Divertida Mente

Por - maio 12, 2018


foto: reprodução
Em Divertida Mente vamos acompanhar a história de Riley, uma garota de 11 anos, que enfrenta diversas situações cotidianas ao mudar de cidade. O filme mostra as diferentes reações e sensações que ocorrem dentro do cérebro da menina, como se formam as memórias e como cada emoção humana – alegria, nojo, raiva, tristeza e medo -  é capaz de influenciar nossas ações.

foto: reprodução
Além de Riley e seus pais, outros personagens bem legais do filme são os sentimentos da garotinha:
A Alegria é o ponto alto do filme, sempre positiva e perseverante, ela quem comanda a sala de controle com todos os sentimentos. Quanto mais reparamos nas coisas boas da vida, mais matéria prima a Alegria tem para trabalhar e produzir ótimas lembranças!
Tristeza é capaz de ensinar grandes lições. Junto com a Alegria vamos ver uma memória nostálgica e agridoce. E lembre-se, não esconda de ninguém quando você está triste, pedindo ajuda tudo fica mais fácil.
Raiva só é útil – se você saber usá-la para dar combustível para a sua determinação.
O Medo está lá para evitar entrar em roubadas e garante a sua sobrevivência nos momentos mais perigosos.
E a Nojinho (sim é uma personagem) faz você ser fabulosa e buscar as melhores roupas, melhores delícias no almoço e companhias que você curta.
Todos eles, quando se unem, nos dão toda a força que precisamos para ser quem somos!
foto: reprodução
O filme é original, surpreendente e é marcado por um roteiro imenso, repleto de descrições e narrações acertadas com uma gloriosa imaginação, que resolve de forma simples e fascinante a ilustração dos sentimentos. A Pixar se superou com essa história complexa passada dentro da cabeça da garotinha Riley, com os sentimentos nos papéis principais. O filme debate temas raros em histórias infantis, como os pesadelos e os amigos imaginários, ressaltando que todos os sentimentos são importantes para atingir o equilíbrio emocional - mesmo a tristeza e a raiva.
Torço para que tenha um  segundo filme, talvez com sentimentos como ansiedade, gula, preguiça e luxúria. Seria bem interessante.

Você também pode gostar

0 comentários