Natureza é amor, é liberdade

Por - outubro 21, 2020

Algumas semanas depois de me isolar em casa por conta da quarentena e perceber que ia durar mais do que imaginei, senti uma vontade imensa de ter contato com a natureza. Uma vontade que era impossível de se realizar, pelo menos por hora. Desde que meus pais se mudaram para morar em cidade litorânea e com as constantes visitas que fazia passei a valorizar muito mais os momentos ao ar livre. Depois de ficar trancada em casa por sete meses aproveitei a flexibilização do isolamento social e saí pra dar uma volta no parque aqui perto de casa, e apesar do dia estar super quente eu não consigo descrever a felicidade que senti.

Tirei os sapatos, coloquei o pé na grama, que embora estava sequinha, me tirou um sorriso bem grande.

A dança das árvores, o cantos dos pássaros, a brisa ora quente ora fresquinha, tudo agora parece tão mais especial. Apenas deitei e aproveitei o momento.

Depois de passar meses como um pássaro enjaulado qualquer pequeno momento fora de casa vira um grito de liberdade.


Você também pode gostar

0 comentários